Entre os assuntos abordados está a viabilização da implantação de câmeras de monitoramento na cidade.


Repórter Vinícius Pereira. 


Na noite desta ontem (25), foi realizada na Câmara de Vereadores de Arraial do Cabo, o encontro do Conselho Municipal de Segurança Pública. A reunião contou com a presença de representantes de vários órgãos de segurança pública do município. Foram discutidos temas como a criminalidade no Morro da Cabocla, a atuação conjunta das polícias Militar e Civil, ações da Guarda Municipal e até um estudo para a implantação de câmeras de monitoramento na cidade.

Estiveram presentes na reunião a Delegada Flávia Monteiro, da 132ª Delegacia de Polícia Civil, o Comandante Bernasconi, da 6ª Cia de Polícia do 25º Batalhão da PM, além da representante do Conselho Tutelar, Izabel Pimentel. A Secretaria de Segurança Pública foi representada pelo Comandante da Guarda Municipal, José Luiz Ferreira e pelo GM Saul. O encontro foi comandado pelo Presidente do Conselho de Segurança, Nelson Cordeiro.

O presidente comentou sobre o trabalho social que é realizado na cidade e auxilia no combate do crescimento da criminalidade em Arraial do Cabo. “Existem muitos projetos sociais em Andamento no município. Precisamos intensificar a divulgação desse trabalho para que cada vez mais pessoas tenham conhecimento e acesso” – afirmou Nelson.


Sobre a Guarda Municipal, o presidente agradeceu o patrulhamento que foi intensificado nas Praças do Centro e nos Distritos que tem inibido a prática de crimes. O Conselho deixou claro a luta pelo aumento do efetivo da Polícia Militar e uma estrutura mais abrangente para o trabalho dos Guardas Municipais.
Segundo o Comandante Bernascone, da Polícia Militar, os números de roubos de veículos no munícipio estão dentro do padrão da Segurança Pública.  O policial comentou sobre os homicídios ocorridos no último trimestre em Arraial, no Morro da Cabocla, que tiveram como vítimas pessoas envolvidas com o tráfico e falou sobre o trabalho de inteligência que está sendo colocado em prática em parceria com a Polícia Civil.

Finalizando, a delegada Flávia Monteiro explicou que existe um projeto de implantação de câmeras de monitoramento em pontos estratégicos da cidade para ajudar no combate aos crimes. Um estudo de viabilidade já está sendo realizado e a proposta será apresentada a comunidade e também a representantes da Prefeitura, mas ainda não existe um prazo para ser concluído.
Vale ressaltar que o encontro mensal acontece com o objetivo de discutir e identificar possíveis pontos de vulnerabilidade da Segurança Pública na cidade, juntamente com a população, que tem o papel fundamental de auxiliar tais autoridades nos assuntos demandados. Apesar do apelo, nesta quarta (25) os moradores não compareceram com expressão a reunião. 



Postar um comentário

 
Top