A partir desta segunda-feira (18), a Prefeitura de São Pedro da Aldeia, por meio da Coordenadoria de Defesa Civil, vai abrir as inscrições para mais uma edição do Projeto Defesinha. Voltada para crianças de 4 a 14 anos, a iniciativa acontecerá de 08 de janeiro a 01 de fevereiro. Os interessados devem procurar a sede da Defesa Civil, localizada na Avenida São Pedro, s/n, no Centro, portando cópias da identidade ou certidão de nascimento da criança e do documento do responsável, comprovante de residência e atestado de saúde (apto para atividades físicas). Para o Verão 2018, serão oferecidas 170 vagas para crianças e 30 para instrutores.

O secretário de Segurança e Ordem Pública, Edmilson Bittencourt, falou sobre a iniciativa. “O Defesinha é motivo de muito orgulho para nós, queremos que esse projeto fique como um legado para todos os participantes. Agradeço a todos os envolvidos nessa ação: a equipe da Defesa Civil, os parceiros, voluntários e o nosso coordenador Marcus Dothavio, que está mais uma vez a frente desse projeto”, comentou.

Os participantes serão divididos entre os grupos “Defesinha”, para crianças entre 4 e 8 anos, “Defensores”, de 9 a 11 anos, e “Protetores”, com alunos de 12 a 14 anos. Cada grupo contará com um instrutor e seis monitores. O projeto acontecerá das 7h30 às 12h30, de segunda a quinta-feira. Na programação, palestras educativas, passeios, trilhas, limpeza de praias, reflorestamento e várias gincanas.

De acordo com o coordenador da Defesa Civil, Marcus Dothavio, o “Defesinha” é mais que uma colônia de férias, caracterizando-se como um projeto educacional e de inclusão social que tem como principal objetivo a conscientização. “Com o apoio de empresas da iniciativa privada, conseguimos aumentar o número de vagas oferecidas pelo projeto. A edição 2018 vai contar com atividades diferenciadas, envolvendo recreação, prevenção e conscientização. Dentre outros pontos, queremos valorizar São Pedro da Aldeia, fazer com que os jovens conheçam a cidade, resgatar a importância do civismo e reconhecer os valores culturais e sociais”, afirmou.

Ainda segundo o coordenador, o Defesinha – Verão 2018 contará com a participação de alunos da Escola Municipal de Educação Especial Pedro Paulo Lobo de Andrade. A iniciativa tem como objetivo proporcionar às crianças atividades de cidadania visando o aprimoramento cultural, integração social e preservação do meio ambiente por meio de uma conscientização coletiva.

O Projeto conta com o apoio da Secretaria Municipal de Educação e da iniciativa privada, além da participação de mais de 10 professores de Educação Física do projeto municipal “Orla em Movimento”. Diariamente, cinco agentes socorristas voluntários se revezarão no acompanhamento das atividades.

Postar um comentário

 
Top