Depósito de automóveis é utilizado pelo Batalhão da Polícia Rodoviária Estadual.

Do g1 Região dos Lagos. 

A Prefeitura de Arraial do Cabo, na Região dos Lagos do Rio, está cobrando a retirada dos veículos apreendidos que ficam em um depósito do Batalhão da Polícia Rodoviária Estadual (BPRv) na RJ-124, logo na entrada da cidade. De acordo com o município, um ofício foi enviado para que a Polícia Rodoviária retire os automóveis do local em caráter de urgência. A principal preocupação da Prefeitura é com o aspecto visual que o depósito provoca em quem chega à cidade e com os danos ambientais.

No depósito, carros e motocicletas são vistos deteriorados pela ferrugem. Além disso, o mato alto e os lixos também foram flagrados pela equipe de reportagem do RJ Inter TV 2ª Edição.

Uma portaria de 2015 do Departamento de Estradas de Rodagem (Der) informa que "os veículos apreendidos e não reclamados por seus proprietários em um prazo de até 90 dias serão levados a leilão". No entanto, segundo o procurador de Arraial do Cabo, David Augusto Cardoso de Figueredo, essa regra não tem sido cumprida na cidade.

"Alguns veículos estão ali há mais de dois anos. Até agora não tivemos nenhum tipo de resposta. O município vai reiterar esse ofício para o Batalhão da Polícia Rodoviária de Niterói, e esse ofício vai para a chefia da Casa Civil e para a Secretaria Estadual de Transporte para ver se a gente tem algum tipo de resposta", disse o procurador.

Em nota, o comando do Batalhão de Polícia Rodoviária Estadual informou apenas que "os carros apreendidos estão aguardando destinação pelo órgão responsável e que é feito o controle de vetores no local".


Postar um comentário

 
Top