Contas do ex-prefeito aprovadas, repúdio contra a Salineira e propostas de melhorias urbanas marcam o dia no legislativo de Arraial do Cabo.


Com mais de duas horas de duração, a primeira sessão ordinária de 2017 foi recheada de indicações, requerimentos e projetos de lei. Todos os vereadores mostraram serviço e fizeram valer a cadeira que conquistaram nas urnas. Alguns debates, que só acrescentaram para a democracia cabista. Muitas ideias, inovações e a vontade de fiscalizar o executivo.

 Cleyton Barreto indicou a necessidade de sinalizações nas ruas distritos, pediu a manutenção da Praça Olivia Vidal e indicou ainda a castração gratuita de cães e gatos. Esse último assunto permanente e bastante discutido em toda cidade. Alexandre Barreto, conhecido como Galelo, indicou a construção de uma capela mortuária, construção de postos avançados da Guarda Municipal nos distritos de Sabiá e Caiçara. Na pauta de Edilmar, o neném da Cabocla, uma indicação via a necessidade da instalação de corrimões no morro da Cabocla e no Boa Vista, bem como a necessidade da adequação da faixa de pedestres pelo município. Todas essas foram aprovadas.

Entre as propostas do vereador Sppencer, a moção se repúdio contra a Salineira foi mais uma vez comentada, discutida e apoiada por toda a casa. Ton Porto pediu alguns processos municipais de aquisição de equipamentos a fim de fiscalizar o executivo. 

- O início é sempre de organização e estamos aqui para fiscalizar o governo, esse é o papel do vereador. Acredito que nossas sessões serão muito produtivas e que tudo dará certo durante o decorrer do ano -, afirmou Ton. 

Luciano Farias, conhecido como Tequinho, pediu a aprovação das contas do antigo prefeito Anderson Cardoso de Brito, o Andinho. Entre esses, alguns temas foram rejeitados e outros aprovados e as contas do Andinho também foram aprovadas com voto contrário do vereador Ayron e abstenção de Davi Siciliano, Pancinha.  Esse assunto gerou bastante polêmica e deixou os expectadores divididos, não só no Plenário, mas na internet, quando a notícia foi divulgada na página da Câmara Municipal. 

 O presidente da Câmara, Ayron Freixo, indicou a iluminação na Travessa Vera Cruz, propôs criação de um festival de inverno e um festival gastronômico em Figueira, que foram aprovados. 

- Ainda tenho dois Projetos de Lei que não foram que serão votados, está em pauta. Incluir o encontro de Motociclistas no Calendário Oficial e o “Preserva Arraial”, que seria um dia de conscientização ao meio ambiente numa escala municipal -, explicou o presidente. 

A sessão deixou o Plenário lotado e encerou-se pouco mais do meio dia. A próxima acontece na quinta-feira (9), às 10h.

Texto: Maria Antônia Casarões. 

Postar um comentário

 
Top